Sua conta
  • 19/06/2019

O que é seguro de vida?

Início / Vida financeira / O que é seguro de vida?
O que é seguro de vida?

O seguro de vida é um contrato entre uma seguradora e um segurado no qual a seguradora garante o pagamento de um benefício devido a morte do segurado para os seus beneficiários. O pagamento, por sua vez, é proporcional ao prêmio pago em vida pelo segurado.

Por que ter um seguro de vida?

O propósito de um seguro de vida é de prover proteção financeira para os dependentes do segurado após a sua morte. Para que esse produto faça sentido, é essencial que o segurado analise a sua situação financeira e determine o padrão de vida necessário para os seus dependentes antes da contratação do seguro.

Nesse aspecto, a assistência de uma assessoria financeira ou de um corretor de seguros é bastante importante para verificar o tipo de seguro que melhor atende as suas necessidades. Outra questão bastante importante é a reavaliação do seguro após acontecimentos importantes da vida, como na ocorrência de um casamento, divórcio, nascimento ou adoção de um filho ou compra de um bem significativo, como por exemplo uma casa.

Conheça o nosso serviço de “Análise de seguro”

Tipos de seguro de vida

Existem diferentes tipos de seguros de vida, cada um com as suas características específicas. Quanto ao número de segurados, um seguro de vida pode ser individual ou coletivo. O seguro de vida individual assegura apenas uma vida. Ele geralmente é mais caro, no entanto ele pode ser contratado com características e peculiaridades específicas para atender a necessidade do segurado.

Já o seguro de vida coletivo assegura um grupo de pessoas, sendo contratado geralmente através de uma empresa ou associação. Apesar de mais barato, esse tipo de seguro de vida tem características gerais que valem para todos os segurados.

Independentemente do número de segurados, um seguro de vida pode ser classificado ainda em uma das 3 seguintes categorias:

Seguro de Vida Tradicional

Como o nome já diz, esse é o seguro de vida mais comum. Ao contratar esse seguro, o segurado assume o compromisso de pagamento do prêmio conforme acordado no contrato e a seguradora assume o compromisso de pagamento da indenização na hipótese de acontecimento de um sinistro. No seguro de vida é possível apontar como beneficiário qualquer pessoa, independente do vínculo dela com o segurado, mesmo que essa pessoa não seja um dos herdeiros legais do segurado.

Seguro de Vida Temporário

O seguro de vida tradicional tem como objetivo garantir o padrão de vida dos dependentes do segurado, e tem um prêmio proporcional a essa necessidade. No entanto, é possível contratar um seguro de vida que proteja os dependentes do segurado por um período menor, pré-estabelecido. Esse tipo de seguro tem a vantagem de ser mais barato e serve, por exemplo, para garantir o padrão de vida até que os filhos se formem na faculdade, ou por algum outro período limitado.

Seguro de Vida Resgatável

Enquanto no seguro de vida tradicional acontece o pagamento da indenização apenas caso aconteça um sinistro, o seguro resgatável permite que o próprio segurado acesse uma parte do dinheiro de acordo com algumas regras pré-estabelecidas. Geralmente são seguros caros e nunca devem ser considerados como um investimento.

Benefícios adicionais do seguro de vida

Como o próprio nome já diz, o seguro de vida tem como objeto a própria vida do segurado, sendo, portanto, um seguro cujo beneficiário é um terceiro, um dependente do segurado que deve usufruir do seguro. Existem, no entanto, benefícios adicionais que costumam constar nos seguros de vida e que até podem ser usufruídos pelo próprio segurado. Entre eles podemos citar os seguintes:

  • Doença grave: no caso de doenças graves ou terminais, alguns seguros de vida pagam ao próprio segurado uma indenização que pode ser usufruída ainda em vida.
  • Renda hospitalar: alguns seguros de vida realizam o pagamento de uma renda adicional cada dia que o segurado está internado e sem condições de trabalhar.
  • Benefício de morte acidental: esse benefício garante o pagamento de um prêmio adicional caso a morte do segurado ocorra de forma acidental. Ele existe, pois, diferentemente de mortes naturais, que de certa forma permitem um certo planejamento, mortes acidentais podem ter um impacto maior devido à sua imprevisibilidade.

O leque de coberturas e benefícios é enorme e depende de cada seguradora e das necessidades do segurado e seus beneficiários. Sugerimos sempre analisar criteriosamente todas as coberturas e, em especial, as exclusões.

Conheça o nosso serviço de “Análise de seguro”

Conclusão

O seguro de vida é indicado para qualquer pessoa que possui beneficiários que dependem financeiramente, total ou parcialmente, de si. A perda de um dos membros que provê para uma família pode ter um impacto enorme no seu padrão de vida, agravando a questão da perda. Um seguro de vida ajuda a reduzir esse risco. O ideal é verificar com um especialista financeiro ou corretor de seguro as suas necessidades de cobertura para verificar o tipo de seguro mais adequado as suas necessidades de cobertura e ao seu bolso.

Resumo
O que é seguro de vida?
Nome do artigo
O que é seguro de vida?
Descrição
O seguro de vida é um contrato entre uma seguradora e um segurado no qual a seguradora garante o pagamento de um benefício aos beneficiários devido a morte do segurado.
Autor
Nome do editor
Par Mais

Deixe seu comentário

Comentário(s): 0

×