Sua conta
  • 10/06/2019

Atual situação econômica do Brasil – Carta do Gestor

Início / Carta do Gestor / Atual situação econômica do Brasil – Carta do Gestor

O Brasil precisa de profundas reformas!

atual situação economica do Brasil

Que tal morar numa casa confortável, com muitos empregados, comida farta, cama aconchegante e muitas comodidades?

A maioria das pessoas vai dizer que sim, gostaria disso. Para alguns, inclusive, isso é um objetivo de vida. Para muitos, talvez nem precise tanto, apenas a casa confortável e comida na mesa já seriam suficientes.

Mas porque nem todos conseguem ter isso? A resposta é simples – porque custa muito caro!

Quando começamos a conhecer o quanto custa todo esse luxo, começamos a pensar no que realmente importa e a alinhar nossos objetivos. Claro, seria muito bom ter muitos luxos, mas no fim das contas acabamos mesmo é vivendo dentro da nossa realidade – conciliando trabalho, família e lazer.

Confira a nossa análise semanal do cenário macroeconômico com foco nos investimentos, por Alexandre Amorim, CGA.

Mas o que isso tem a ver com economia?

Num país a regra é muito parecida com essa. Um país, assim como uma família, tem um orçamento e precisa decidir aonde gastar o seu dinheiro. Seria muito bom termos muitos benefícios (direitos), mas a verdade é que nada sai de graça!

É necessário fazer escolhas.

Normalmente um país privilegia seu orçamento aos investimentos – ou seja – escolhas que vão gerar benefícios futuros. Infraestrutura, condições de trabalho e educação básica estão entre eles.

Mas quando o orçamento é gasto totalmente com despesas (e não com investimentos), fica mais difícil garantir prosperidade no futuro.

E atualmente esse é um dos grandes problemas do Brasil. Nossa “família” não está conseguindo pagar suas contas e, já alguns anos, está recorrendo ao cheque especial (no caso, emitindo dívida). Parece um absurdo, afinal de contas temos uma das cargas tributárias mais altas do mundo. Mas o Brasil gasta mal, com muita despesa e pouco investimento.

E esse ilusionismo de que o que vem do governo não tem custo é um grande erro e que, de certa forma, vem sendo muito explorado pela classe política recentemente.

E as consequências disso são péssimas.

Declínio da economia, estagnação do crescimento e, consequentemente, menos arrecadação. E não há como fazer nenhum tipo de política pública sem que haja arrecadação do governo.

Temos visto alguns estados quebrarem, atrasando salários e parando obras. E essa realidade não está muito distante para o país.

O Brasil precisa de profundas reformas.

Tem que gastar menos e investir mais. Nós, brasileiros, temos que ter consciência política e entender que o país precisa crescer para poder distribuir riqueza. Não adianta fazer oposição ou concordar com as pautas simplesmente porque gostamos ou não do governo.

O momento é de extrema importância!

Vamos participar da política, vamos nos empoderar e cobrar mais dos nossos governantes. Mas lembrando que não existe direitos sem deveres…

Resumo
Atual situação econômica do Brasil - carta do Gestor
Nome do artigo
Atual situação econômica do Brasil - carta do Gestor
Descrição
A atual situação econômica do Brasil neste mês de maio.
Autor
Nome do editor
Par Mais

Deixe seu comentário

Comentário(s): 126

       
  1. O Brasil está se tornando uma Venezuela. Estamos perto de uma guerra civil concreta porque a abstrata já existe. O eixo central de qualquer economia é a força produtiva do país através de suas empresas onde gera arrecadação e empregos. O governo mundial EUA não conseguiu tomar a Venezuela, mas ganhou o Brasil de mão beijada via Sérgio Moro. Onde a construção civil pesada foi obrigada fazer caixa 2 para adquirir tecnologia no mercado negro, pois nossos colonizadores assim nos impede através de sanções, onde o terceiro mundo tem que permanecer analfabeto tecnológicamente. O nosso judiciário extraiu o câncer da corrupção naquele momento, mas não deixando o paciente Brasil vivo. Onde nossas empresas poderiam ser preservadas, mesmo com seus diretores presos. Isso é uma questão de soberania nacional. Os poderosos mundiais estavam se incomodando com o Brasil terceiro mundo. A solução no meu ver é unir toda a classe empresarial para reconstruir novamente está força produtiva no país com a proteção do governo, sem a ilusão neo liberal, que para os ricos é chutar cachorro morto. Potência é potência. Eles são donos do dinheiro e da bomba atômica.

    1. Gisele, bom dia!
      É uma decisão muito pessoal e deve ser estudada/analisada com muita cautela. Vai depender do seu momento de vida e do seu projeto de empreender.
      Desejamos muito sucesso!

  2. Hoje a incerteza paira sobre o governo, isso e ruim para o mercado e para população. Por ver setores que deveriam trabalhar juntos para achar a melhor saída dessa incerteza brigando.
    A postura adotada deveria ser a que melhor ajuda-se a população, buscando a flexibilidade para atingirmos as metas proposta.

  3. O Brasil de hoje se preocupa em ganhar dinheiro pra isso faz das tripas coração. Vivemos uma economia capitalista onde cada um faça por si próprio.

  4. Eu encontre um comentario objetivo, so que no tem como saber con sertesza cual bai ser u rumbo nos proximos meses, lamentabelmente a politica nau so nu Brasil, esta na mau de algumos pocos que tem muito, muita sorte pra mi pais preferido, Brasil viva BRASIL, more nu Brasil, mais de 10 anos, prestando servicios como Ing. de minas, formado en nu chile, Atte. Tomas Miranda

  5. É sempre bom termos informações mais concretas sobre a economia do Brasil, no dia dia tem muitas coisas desencontradas; na qual deixa as pessoas em dúvida e inseguras.
    O Brasil precisa encontrar o seu rumo meio que logo, eu sou um pequeno Empreendedor, tô aflito, os clientes estão segurando tudo, como sou pequeno sofro de imediato as consequências. Por isso procuro ler e me cercar de informações mais seguras. Mas o que mais me irrita é o politico Brasileiro que não vê o tamanho do problema e sua responsabilidade pra ajudar no processo de transição; e a mídia que viviam de propinas, fica alimentando o negativismo e propagando o desalento. Mas independente disso tenho que acreditar num período melhor.

  6. Bom dia.
    Muito embora seja português e resida deste lado do Atlântico, mas com familiares residentes no Brasil, acompanho com regularidade a evolução política, social e económica do Brasil. Obrigado pelos artigos publicados.

  7. Onde esta a grande torneira aberta em gastos com a previdência é nas esferas publicas federais(militares, políticos e juízes) onde por exemplo um militar aposentado tem direito além de se aposentar em sua grande maioria com 52 anos! Ganhando de forma integral e o melhor! Com o melhor sus que se possa ter!

Mais comentários
×