Mercado financeiro – o que é e como funciona?

  • 10/12/2021
Página inicial - Investimentos - Mercado financeiro – o que é e como funciona?

O mercado financeiro é um ambiente que reúne um conjunto de instituições – entre tomadores de recursos e investidores – e permite a negociação de produtos financeiros, como títulos públicos, ações, fundos de investimentos, entre outros.

Sua estrutura é abrangente e complexa, com diversas instituições financeiras, além de ser subdividido nos mercados de câmbio, monetário, de crédito e de capitais.

Entenda neste artigo o que é o mercado financeiro e como ele funciona.

O que é mercado financeiro?

Envolvendo operações de compra e venda de ativos financeiros, o mercado financeiro possui uma estrutura bastante complexa que é composta por diversas instituições financeiras, como bancos, corretoras, instituições de pagamento e também alguns órgãos do governo.

Ele é bastante abrangente e suas regras afetam praticamente todos os brasileiros ou pessoas que fazem negócios com o Brasil.

Qual a função do mercado financeiro?

A principal função do mercado financeiro é aproximar os investidores e os tomadores de recursos, ou seja, os compradores e os vendedores. 

Podemos dizer que ele funciona como uma grande loja, onde quem tem o produto disponibiliza para quem tem interesse em comprar esse produto.

Nesse sentido, é possível existir a troca de bens de forma livre, sem grandes intervenções externas. 

Porém, é válido ressaltar que no mercado financeiro algumas instituições viabilizam um ambiente de negócios, regulando e fiscalizando o andamento correto das trocas.

Como funciona o mercado financeiro?

Na prática, funciona assim: o investidor procura o banco em que é correntista e investe parte do seu dinheiro em um CDB, indicado pelo seu gerente.

O tomador, por sua vez, procura o mesmo banco e solicita um empréstimo. O banco então empresta o dinheiro para o tomador, cobrando uma taxa superior à taxa de remuneração do investidor.

Todas as operações são feitas de forma segura e os intermediários são os responsáveis pela realização dessas operações.

Quais são os principais mercados financeiros?

Os principais tipos de mercado financeiro que se destaca são: mercado de câmbio, mercado monetário, mercado de crédito e mercado de capitais.

Mercado de Câmbio

Neste tipo de mercado financeiro o foco é a troca de moedas, sendo que aqui se destaca as empresas que exportam. Quem fiscaliza esse tipo de mercado é o Banco Central.

Mercado monetário

Essa modalidade de mercado financeiro dispõe de todas as transações que ocorrem em até 24 horas.

É possível encontrar nele taxas de referência do rendimento da renda fixa: Certificado de Depósito Interbancário (CDI) – a taxa de juros de empréstimos de bancos.

Mercado de crédito

Este é um dos mercados financeiros mais lembrados. Há uma intermediação entre quem quer investir e quem necessita dos recursos. O foco principal é a negociação de ativos, como ações e títulos de dívida.

Ao canalizar os recursos de investidores poupadores para outros agentes econômicos que necessitam utilizar recursos, o mercado de crédito aumenta a eficiência da economia como um todo.

Por isso, ele serve como um “termômetro” da saúde financeira de uma economia

Mercado de capitais

É por meio do mercado de capitais que os ativos são negociados, ou seja, onde são realizadas compras e vendas dos valores mobiliários.

O mercado de capitais permite que os títulos emitidos pelas empresas sejam negociados, aproximando as pessoas ou instituições que têm dinheiro das pessoas ou instituições que precisam do dinheiro para o financiamento de projetos.

Isso fortalece a economia do país, além de oferecer diversificação da carteira de investimentos e alavancagem dos rendimentos.

Principais instituições do mercado financeiro

Bolsa de Valores

A Bolsa de Valores também está incluída nas instituições financeiras, sendo responsável pela negociação de empresas com capital aberto. A B3 – Brasil, Bolsa e Balcão – é a única bolsa de valores em operação no Brasil atualmente.

Nela são negociadas ações de diversas companhias, derivativos, opções, contratos futuros, cotas de fundos de índice e de fundos imobiliários, entre outros ativos financeiros.  

Conselho Monetário Nacional (CMN)

É o órgão superior do sistema Financeiro Nacional. Ele é o responsável por formular a política da moeda e de crédito, além de garantir o funcionamento do sistema. 

Banco Central do Brasil

É responsável por executar as normas e diretrizes expedidas pelo CMN. O Banco Central tem entre suas principais tarefas:      

  • Zelar pela quantidade de moeda disponível na economia
  • Manter as reservas internacionais em níveis adequados
  • Emitir papel moeda
  • Receber os depósitos compulsórios dos bancos
  • Autorizar o funcionamento de todas as instituições financeiras

Comissão de Valores Imobiliários (CVM)

A CVM é um órgão fiscalizador, mas também executa a função de fomentar a aplicação de valores mobiliários (ações, debêntures, entre outros).

Instituições Financeiras

As instituições financeiras são responsáveis pela intermediação entre tomadores e investidores. Elas são consideradas entidades operadoras do Sistema Financeiro Nacional.

Conclusão

O mercado financeiro reúne um conjunto de instituições, entre tomadores de recursos e investidores, permitindo a negociação de produtos financeiros.

Sua estrutura é bastante ampla e complexa, envolvendo os mercados de câmbio, monetário, de crédito e de capitais.

Ele é regulado por órgãos como o Banco Central, a CVM e o CMN, que são responsáveis pela execução das políticas econômicas brasileiras e fiscalização do mercado financeiro.

Gostou desse artigo? Então leia também esses que separamos para você

Consultoria Financeira – o que é e como funciona?

Você sabe o que faz um consultor financeiro pessoal?

Fundos de Investimentos: o que são e como investir?

Órgãos reguladores do Mercado financeiro nacional – Confira os mais importantes

Deixe seu comentário

Comentário(s): 21

       
  1. otima explicação, eu nao tinha a miníma idéia de como funcionava e o que era o mercado financeiro, compreendi, obrigada!

  2. Eu amei o artigo, eu que não possuo nenhum entendimento sobre o mercado financeiro já consegui entender de forma geral o funcionamento do mesmo e suas formas

    1. Carolline, boa tarde!
      Ficamos felizes que tenha gostado do conteúdo! Um dos nossos princípios é compartilhar conhecimento de forma “entendível” e acessível.
      Agradecemos por ser nossa leitora e convidamos para conhecer nosso blog, com mais de mil artigos e também nosso Instagram. Clique aqui para seguir!
      Sucesso!

Mais comentários

Últimas publicações