Sua conta
  • 27/11/2015

Quitar o financiamento do seu imóvel ou investir?

Início / Cases / Quitar o financiamento do seu imóvel ou investir?

Par Mais Blog - Soluções Par Mais - Viuva com 2 filhos

 

Andrea, viúva, com 2 filhos, recebeu o seguro de vida do seu marido e procurou a Par Mais para saber se é melhor quitar o financiamento do seu imóvel ou investir?

O caso:

  • Perfil: Andrea, 31 anos de idade, funcionária pública, viúva, com dois filhos (05 anos e 03 anos);
  • Renda mensal: R$ 5.500,00, e tem de despesas: R$ 3.500,00/mês;
  • Não possui reserva financeira;
  • Recebeu valor de R$ 80.000,00 referente ao seguro de vida do marido e 50% do financiamento do imóvel foi quitado pois havia seguro incluso no contrato;
  • Paga prestação de R$ 810,00/mês, a taxa de juros (CET – custo efetivo total) do financiamento é de 7,5% a.a.;
  • O saldo devedor do financiamento é de R$ 70.000,00;
  • Dúvida: quitar o financiamento ou manter o valor investido?

Solução Par Mais: quitar o financiamento ou investir?

  • Reservar R$ 10.000,00 do valor recebido do seguro para reserva de segurança, em investimentos com alta liquidez (CDB, por exemplo) – que deve ser incrementada mês a mês até alcançar uma reserva de segurança de cerca de 6 meses (R$ 3.500,00 x 6 = R$ 21.000,00). A partir do momento que se chegar no total sugerido, Andrea pode iniciar outros investimentos com menor liquidez, mas com maior rentabilidade (LCI/LCA, por exemplo);
  • Para sabermos se vale ou não quitar o financiamento temos que levar em conta a taxa de juros de 7,5%, que é considerada bem baixa para os padrões atuais (Selic está em 14,25%, por exemplo), percebe-se que é bem viável encontrar investimentos que garantam mais que os 7,5% do financiamento, embolsando a diferença entre os juros do financiamento e do investimento;
  • Um exemplo é investir o valor de R$ 70.000 numa aplicação que garanta uma boa taxa de retorno no período restante do financiamento. Não temos o número de parcelas restantes mas, se considerarmos que são parcelas fixas (financiamento pelo sistema Price), haveria aproximadamente 120 meses para pagar o saldo do imóvel. Dessa forma, o título público NTN-F com vencimento em 2025 é uma ótima opção, pois tem taxa prefixada próxima de 15,00% a.a. O valor desse investimento ao final dos 120 meses será em torno de R$ 230.000,00 (já considerando IR).

O resultado: Não vale a pena quitar o financiamento.

  • Devido ao atual cenário econômico, a nossa recomendação é investir o valor de R$ 70.000,00 conforme citado anteriormente e continuar pagando as parcelas, ou seja não é recomendável quitar o financiamento. Considerando o financiamento Price, com cerca de R$ 100.000,00 a pagar (soma das parcelas restantes), Andrea teria um ganho de R$ 130.000,00 – que é a diferença entre esse valor e o resultado do investimento citado. Lembrando que, se o financiamento for com parcelas decrescentes (tipo SAC), também é mais vantajoso fazer da mesma forma.

Veja também este artigo que faz a mesma relação custo-benefício entre quitar ou não o financiamento de automóvel.
Clique aqui e confira!

 

Par Mais – 27.11.2015

A Par Mais Empoderamento Financeiro tem um propósito claro: fazer com que as pessoas mudem sua relação com o dinheiro para alcançar a liberdade e serem mais felizes. Os especialistas da Par Mais desenvolveram um método que visa tornar qualquer pessoa capacitada a ter o controle das suas finanças. Conheça os nossos serviços. Clique aqui.

 

Deixe seu comentário

Comentário(s): 0

×