O que é seguro saúde e como diferenciar do plano de saúde?

  • 02/02/2021
Página inicial - Vida financeira - O que é seguro saúde e como diferenciar do plano de saúde?

Você já deve ter se perguntado o que é seguro saúde, o que é plano de saúde e quais as diferenças entre os dois. Ambos os serviços têm o objetivo de prestar assistência médica e hospitalar, mas eles podem ter diferentes características e coberturas.

Neste artigo vamos falar sobre essas diferenças entre seguro saúde e plano de saúde e apresentar algumas características que ajudarão na sua escolha e no seu entendimento.

A importância da proteção

Muitas pessoas acreditam que esses serviços não são necessários por não irem muito ao médico ou não realizarem muitos exames.

Primeiramente, é importante frisar que estamos vivendo cada vez mais e a longevidade já é realidade. Dessa forma, precisamos nos precaver e para isso, criar a rotina de realizar consultas com especialistas e check-ups são fundamentais para diagnósticos preventivos.

o que é seguro saúde? -Um médico empilhando diversos blocos com símbolos que representam a medicina

A correria do dia a dia nos coloca em uma rotina onde não paramos para nos cuidar e sabemos que sem saúde nossos passos não vão muito longe. Isso quer dizer que, independentemente da sua escolha entre seguro saúde ou plano de saúde, é importante buscar por uma opção de proteção.

A preocupação não se trata somente de estar em dia com os check-ups, mas pelo que pode acontecer, independentemente da nossa vontade. Precisar de uma consulta médica é bem diferente de uma cirurgia, por exemplo.

Seguro saúde x plano de saúde

Antes de falar sobre as diferenças entre os serviços, vamos citar a semelhança, pois não é à toa que muitas pessoas confundem ou acham que são a mesma coisa.

O Plano de Saúde e o Seguro Saúde tem o mesmo objetivo, que é prestar assistência médica e hospitalar. Ambos costumam dar cobertura para consultas, exames e cirurgias e possuem carências, principalmente quando a pessoa possui doenças preexistentes.

Ambos são regulamentados pela Agência Nacional de Saúde Suplementar – ANS – agência reguladora ligada ao Ministério da Saúde e a forma de contratação pode ser pela pessoa física ou jurídica.

Podemos ser indiferentes na escolha?

A resposta é não, pois ambos possuem diferenças – algumas bem relevantes – que deverão ser dimensionadas no momento da contratação ou até mesmo em uma mudança.

O que é plano de saúde?

O plano de saúde trata-se de uma empresa privada que possui uma rede de atendimento credenciada, contando com médicos, laboratórios e hospitais. Porém, se você precisar de algum serviço fora desta rede ou da região contratada, não terá cobertura – salvo particularidades em contrato.

O que é seguro saúde?

Já o seguro saúde trata-se de um seguro no qual você paga o prêmio mensalmente e a seguradora te reembolsa – de acordo com o estipulado em contrato – pelas despesas médicas, ou seja, o segurado possui livre escolha, tanto em relação ao médico, quanto ao laboratório ou clínica, entre outros procedimentos.

Porém, o reembolso nem sempre é de 100%, pois irá depender da abrangência da cobertura de serviços – que no caso do seguro saúde pode ser padronizado.

Saiba mais: Conheça nosso Guia de seguros

A maior diferença entre os serviços é a abrangência. O seguro saúde não fica restrito a uma rede de atendimento, já que você pode escolher onde e com quem deseja ser atendido.

Dessa forma, a liberdade de escolha pode fazer toda a diferença, principalmente na hora que precisar de um especialista. O plano de saúde muitas vezes é regional e o médico que você gostaria pode não fazer parte da rede credenciada.

No plano de saúde, ao utilizar o serviço, não é preciso fazer desembolso no momento da consulta – se houver coparticipação, pode ser descontado/cobrado depois. Já no seguro saúde existe a possibilidade de solicitar reembolso, o que pode ser um diferencial importante, dependendo do dimensionamento do seu orçamento.

Conclusão

Assim como você pensa na proteção do seu patrimônio e pessoal, contratando seguro residencial, seguro do carro e seguro de responsabilidade civil, é preciso pensar também na proteção da sua saúde.

O seguro saúde e o plano de saúde possuem características e coberturas distintas e a escolha do melhor serviço irá depender da sua necessidade e perfil financeiro.

Porém, antes de tomar uma decisão, é importante ter um bom planejamento e também realizar algumas pesquisas, como: consultar sobre a empresa no site da ANS; escolher entre o plano nacional ou regional; verificar a rede credenciada, a carência, abrangência da cobertura de serviços, reembolso e coparticipação. Assim, você garante um serviço adequado às suas necessidades e que não irá pesar no seu bolso.

Deixe seu comentário

Comentário(s): 2

       
  1. Parabéns pelos esclarecimentos a respeito . Sou advogado, Mestre em direito do consumidor. Os abusos apesar da proteção legal são evidanrtes, pois o fornecedor conta com a falta de informação adequado consumidor sobre seus direitos, poucos procuram a justiça por meio de advogados especializados .

    1. Humberto, boa tarde!
      Que bom que gostou do conteúdo!
      Agradecemos por ser nosso leitor e te convidamos para conhecer nosso blog, com mais de mil artigos. Se quiser ficar por dentro do cenário econômico e saber mais sobre investimentos, assine gratuitamente o podcast semanal do nosso gestor Alexandre Amorim.
      Sucesso!

Últimas publicações