Sua conta
  • 12/01/2018

Os melhores fundos de investimento de 2017

Início / Investimentos / Os melhores fundos de investimento de 2017

melhores fundos de investimento de 2017

Preparamos uma lista com os melhores fundos de investimentos de 2017.

O ano de 2017 foi bastante volátil para os investimentos financeiros no Brasil. Por um lado o otimismo com a volta do crescimento (tanto no Brasil como no mundo), controle da inflação e queda dos juros. Por outro, instabilidade política e as incertezas com o governo de Trump nos EUA.

Os melhores fundos foram selecionados a partir da base de dados que faz parte do radar de avaliação da Par Mais. O processo de escolha respeitou os seguintes critérios:

  • Foram escolhidos apenas fundos com PL – Patrimônio Líquido -, maior que R$ 50 milhões;
  • Foram considerados apenas fundos não exclusivos;
  • Fundos “master” foram desconsiderados, ou seja, fundos que apenas recebem investimentos de outros fundos de investimentos foram deixados de lado;
  • A aplicação mínima inicial é menor ou igual a R$ 100.000;
  • Foram escolhidos os três fundos com maior retorno em 2017 por classe

OBS. Além das restrições descritas acima, fez parte do processo de análise apenas fundos que já foram avaliados e aprovados pelos Comitês de Investimento e Compliance da Par Mais.

As restrições justificam-se pelo fato de que não queremos apresentar fundos que não são acessíveis ao investidor pessoa física, por isso foram retirados fundos exclusivos e que possuem aplicação mínima inicial muito elevada.

Após um esse filtro inicial, listamos os melhores fundos de investimento em termos de risco/retorno, classificando-os pelas seguintes categorias: renda fixa pós fixada; multimercado e ações.

De forma simplificada, segue um resumo da composição da carteira de cada um desses fundos de investimento:

  • Fundo de renda fixa pós: fundos com rentabilidade atrelada ao CDI.
  • Fundo multimercado: fundos com estratégias diversas, que envolvem vários fatores de risco, tais como taxas de juros, câmbio com ou sem hedge, ações, inflação e derivativos diversos;
  • Fundo de ações: fundos que tenham ao menos 67% de seu patrimônio aplicado em ações, incluindo nessa classificação os fundos com carteira balanceada (long biased);

Melhores Fundos de Renda Fixa Pós Fixada

O ano de 2017 teve um movimento importante para renda fixa, que foi a queda da taxa Selic que começou o ano em 14,25% e terminou no menor patamar da história, em 7%. Com essa queda se destacaram os fundos que possuem uma carteira com ativos menos líquidos (como Letras Financeiras, Debêntures e FIDC’s de longo prazo) e regras de resgate maiores. Além disso vimos fundos dessa classe sofreram por conta de marcações a mercado de ativos de crédito, o que não afetou a sua rentabilidade de longo prazo.

Fundo Retorno nominal Retorno % CDI Vol 12M Sharpe 12M Liquidez Aplic. Mínima (R$) Patrimônio (milhões R$)
SELECT LIGHT RENDA FIXA CRÉDITO 11,89% 119,45% 0,3417% 5,7788 D+30 25.000 84.967
AZ QUEST ALTRO FIC FIM CRÉDITO 11,21% 112,68% 0,2633% 4,923 D+45 10.000 1.014.266
SPARTA TOP FIC RENDA FIXA CRÉDITO 11,20% 112,57% 0,2242% 5,7332 D+32 5.000 1.884.7000

Select Light Renda Fixa Crédito

Fundo de renda fixa com exposição a títulos corporativos e de instituições financeiras de médio porte. Rentabilidade consideravelmente acima do CDI. Apesar de ter pouco histórico, segue a expertise da casa em crédito privado.

Az Quest Altro FIC FIM Crédito

Fundo de renda fixa com elevada exposição em títulos privados, porém com ótima gestão de risco. Investe também em títulos públicos, títulos de instituições financeiras de grande e médio porte e direito creditórios – com certa exposição. Rentabilidade consideravelmente acima do CDI.

Sparta Top FIC Renda Fixa Crédito

Fundo de renda fixa com carteira composta por títulos corporativos e Direitos Creditórios, com grande pulverização. A performance histórica supera o CDI e possui baixa taxa de administração.

Melhores Fundos Multimercado

O ano de 2017 foi conturbado para esse segmento de fundos de investimentos. Os gestores dos fundos Multimercado conseguiram surfar um pouco a onda da queda da taxa de juros em 2017, pois as curvas se ajustaram para a queda da Selic ao longo do ano, mas acabaram sofrendo com as notícias que vieram do Planalto, principalmente depois de um mês de maio bastante sangrento para esse segmento de fundos. Se destacaram no ano os gestores que conseguiram se recuperar mais rápido da queda de maio e se mantiveram constantes ao longo do ano.

Fundo Retorno nominal Retorno % CDI Vol 12M Sharpe 12M Liquidez Aplic. Mínima (R$) Patrimônio (milhões R$)
SPX NIMITZ FIC FIM 16,45% 165,32% 4,3964% 1,4937 D+61 50.000 3.094.377
MAUA MACRO FIC FIM 16,38% 164,61% 11,8800% 0,5468 D+30 5.000 1.147.913
ADAM MACRO II FIC FIM 15,17% 152,42% 8,57572% 0,6024 D+31 50.000 2.881.590

SPX Nimitz FIC FIM

Fundo Multimercado Macro cuja política de investimento envolve estratégias globais, principalmente, nos mercados de juros, índices de preços, taxas de câmbio, commodities e ações, tanto no mercado à vista quanto por derivativos.

Mauá Macro FIC FIM

Fundo Multimercado com estratégia Macro Quantitativa, se utilizando de derivativos para arbitragem de futuro de juros, cupom cambial e de proteção contra flutuações da taxa de juros. Se utiliza também de operações estruturadas de bolsa, buscando distorções de taxas praticadas pelo mercado, realiza operações em outros mercados globais mas com pouca participação na carteira do fundo. Fundo de volatilidade elevada, média taxa de administração, mas vem constantemente superando o CDI.

Adam Macro II FIC FIM

Fundo multimercado macro que não está necessariamente posicionado de maneira direcional. Foco da estratégia está em juros, bolsa e moedas, com objetivo de retorno consistente acima do CDI no médio prazo.

Melhores Fundos de Ações

A Bovespa terminou o ano sendo o melhor investimento de 2017, alçando os 76.402 e acumulando uma alta de 26,86% no ano. Os fundos que se destacaram no ano foram dos gestores que utilizam a análise fundamentalista para a tomada de decisão, e conseguiram apostar nos setores certos ao longo do ano.

Fundo Retorno nominal Retorno sobre o IBOV Vol 12M Sharpe 12M Liquidez Aplic. Mínima (R$) Patrimônio (milhões R$)
INDIE FIC FIA 44,87% 18,01% 15,6561% 2,2452 D+33 5.000 94.529
AZ QUEST SMALL CAPS FIC FIA 40,89% 14,03% 20,1140% 1,5485 D+30 10.000 424.192
BRASIL CAPITAL 30 FIC FIA 34,58% 7,72% 14,2410% 1,7417 D+34 100.000 124.055

Indie FIC FIA

Fundo de ações que segue tese de investimento fundamentalista de cada empresa investida. Busca por oportunidades de geração de alfa tanto em posições long como short. Volatilidade elevada, mas compatível com o mercado de bolsa. Média taxa de administração.

Az Quest Small Caps FIC FIA

Fundo de ações com foco em empresas pequenas e médias. Essas ações possuem menor liquidez, maior risco, mas maior possibilidade de ganhos. É um fundo com elevada volatilidade, mas com ótima perfomance histórica.

Brasil Capital 30 FIC FIA

Fundo de ações Livre que utiliza critérios fundamentalistas, embora uma parcela da carteira busque capturar distorções de curto/médio prazo, com objetivo de diversificar. Baixa taxa de administração comparado com os pares. Alta volatilidade, mas coerente com o mercado de bolsa.

Conclusão

Este artigo listou os melhores fundos de investimentos do ano de 2017. Os fundos foram analisados e classificados em 3 categorias: fundos de renda fixa, fundos multimercado e fundos de ações.

Vale lembrar que, além dos critérios do processo de análise citados no primeiro parágrafo, a seleção está restrita em apenas fundos que foram aprovados pelos Comitês de Investimento e Compliance da Par Mais.

Os fundos de ações, apesar de terem apresentado um resultado superior aos demais, são fundos mais voláteis e com maior risco. Estes fundos foram beneficiados pelo bom desempenho da Ibovespa, que teve uma alta acumulada de 26,86% no ano de 2017.

Fundos de investimentos são uma excelente forma de ter acesso a diversificação de ativos, mesmo sem precisar aplicar valores elevados. Inclusive, neste ranking, pelo menos um fundo em cada uma das classes de ativo apresenta aplicação mínima inicial de R$ 5.000 e excelente performance em 2017.

Inicie o ano sabendo como andam os seus investimentos. Conheça a nossa ferramenta gratuita de análise de carteira!

 

Onde você está, aonde quer chegar?
Nossa função é tornar sua jornada mais rápida e mais rentável. Escolhemos com você os investimentos que precisa, alinhados às suas necessidades. Clique aqui.

Resumo
Os melhores fundos de investimento de 2017
Nome do artigo
Os melhores fundos de investimento de 2017
Descrição
Os melhores fundos de investimentos de 2017 dos segmentos: renda fixa, multimercado e ações, selecionados a partir da base de dados de avaliação da Par Mais.
Autor
Nome do editor
Par Mais

Deixe seu comentário

Comentário(s): 2

       
    1. Paulo, boa noite! Que bom que você gostou.
      Vamos passar seu comentário para o Time de especialistas. Desejamos um ótimo final de semana!

×