O que é Orçamento Base Zero – OBZ e como fazer?

  • 24/08/2016
Página inicial - Empresas - O que é Orçamento Base Zero – OBZ e como fazer?
Orçamento Base Zero

O Orçamento Base Zero – OBZ é a metodologia onde cada área da empresa detalha todos os gastos previstos e orça individualmente cada centro de custo a partir do zero, desconsiderando a média das despesas dos últimos anos, evitando desperdícios. Dessa forma os gestores não caem na zona de conforto e a empresa consegue verificar os excessos e as reais necessidades para a sua operação.

O que é Orçamento Base Zero – OBZ?

Antes de entender o que é o OBZ é preciso entender o que é um orçamento, e qual sua importância para uma empresa.

Realizar um orçamento significa planejar os gastos, despesas com investimentos e as receitas de uma empresa. O objetivo desse trabalho é aferir os resultados esperados e traçar estratégias para alcançar resultados levando em consideração a capacidade da empresa e o cenário econômico no qual ela está inserida.

Um dos seus usos é para o cálculo das estimativas de fluxos de caixas livres necessários para implementar o modelo de avaliação na empresa e, o mais importante, avaliar a evolução do valor da empresa de acordo com as mudanças estabelecidas na estratégia.

Outro valor importante do orçamento é que por meio dessa ferramenta é possível tomar decisões de financiamento/investimento para execução dos planos operacionais e fornece uma base para um conjunto de metas usadas para controle de despesas/custos e nos planos de remuneração da empresa.

Saiba mais: O que é capital de giro de uma empresa?

Qual a diferença do OBZ – Orçamento Base Zero para os demais orçamentos?

Normalmente, ao orçar seus gastos, as empresas levam em consideração a média de despesas dos últimos anos. Essa metodologia, parte de premissas automatizadas e não expurga excessos oriundos de bons resultados e ou eventuais erros do passado.

O Orçamento Base Zero (OBZ) não leva em consideração a média de despesas dos últimos anos da empresa e sim orça individualmente cada centro de custo. No período de orçamento cada área detalha todos os gastos previstos, portanto, começando do zero e evitando desperdícios. Dessa forma os gestores não caem na zona de conforto e assim é possível verificar os excessos e as reais necessidades para a operação da empresa. Essa metodologia é focada na redução dos custos, a alocação de recursos é feita como base nos objetivos e metas buscando uma avaliação criteriosa dos gastos. Eliminando o sentimento do dinheiro infinito que muitas vezes existem nas organizações.

A metodologia do Orçamento Base Zero conta com duas premissas fundamentais:

  • O bom orçamento deve assegurar a sobrevivência da empresa no pior cenário e ser capaz de aproveitar as oportunidades advindas dos melhores cenários.
  • O total de gastos fixos deve se situar próximo da margem de contribuição da empresa no pior cenário possível. É importante que a empresa defina qual é o pior cenário possível, mas não necessariamente um cenário catastrófico.

Além da identificação de gastos desnecessários é possível eliminar procedimentos dispensáveis, permitindo o direcionamento dos recursos para o que é de fato importante na organização. Mas, é importante frisar, que a elaboração de um Orçamento Base Zero demanda tempo, dedicação e treinamento da equipe para ter as informações necessárias para a sua elaboração. E, após o orçamento, é necessário ter ferramentas de controle do efetivo versus o orçado estabelecendo metas de redução e buscando o engajamento da equipe na nova cultura orçamentária.

Onde você está, aonde quer chegar?

Nossa função é tornar sua jornada mais rápida e mais rentável. Escolhemos com você os investimentos que precisa, alinhados às suas necessidades. Clique aqui

Deixe seu comentário

Comentário(s): 2

       
    1. Alexandre, bom dia!
      Caso tenha interesse em mais informações sobre a prestação dos nosso serviços, por gentileza, envie uma mensagem para [email protected], com uma breve descrição do que deseja ser informado.
      Tenha uma ótima semana!

Últimas publicações