Sua conta
  • 11/09/2019

IPOs e Follow Ons 2019/2020

Início / Investimentos / IPOs e Follow Ons 2019/2020
IPOs 2020

Tanto as Ofertas Públicas Iniciais (IPO na sigla em inglês) ou subsequentes (também chamadas de follow ons) são ofertas primárias de ações.

No caso especifico do IPO, ele permite que a empresa abra o seu capital e tenha as suas ações negociadas na bolsa de valores pela primeira vez.

Já os Follow Ons permitem uma nova rodada de captação de uma empresa já conhecida do mercado, dando maior liquidez à ação, uma oportunidade de saída ou diminuição do investimento para acionistas de grande porte e uma oportunidade de entrada para novos acionistas.

Até o momento, 2019 está sendo marcado por um grande número de emissões na B3, portanto vamos dar uma olhada nelas.

IPOs em 2019

Até setembro de 2019 o número de ofertas de ações no mercado foi um dos maiores dos últimos anos, movimentando mais de R$53 bilhões.

Algo bastante interessante de se notar é que, apesar do movimento do investidor estrangeiro na B3 indicar uma saída líquida de recursos, eles estiveram fortemente presentes nessas emissões ocorridas em 2019, totalizando 44% do valor movimentado, que equivale a R$25 bilhões. Veja abaixo as ofertas públicas que houveram em 2019 até o momento:

IPOs 2019

Empresa Setor Volume Total
IRB Brasil Seguradoras R$ 9.906.836.728
BR Distribuidora Exploração, refino e distribuição R$ 9.633.093.750
Petrobrás Exploração, refino e distribuição R$ 7.300.546.223
Neoenergia Energia elétrica R$ 3.744.278.776
CPFL Energia Energia elétrica R$ 3.694.341.585
NotreDame Intermédica Serviços médico-hospitalares, análises e diagnósticos R$ 2.666.250.000
Hapvida Serviços médico-hospitalares, análises e diagnósticos R$ 2.664.495.000
BTG Pactual Bancos R$ 2.539.200.000
Light Energia elétrica R$ 2.499.999.994
Localiza Aluguel de carros R$ 1.821.600.000
Banco Inter Bancos R$ 1.247.688.000
Linx Programas e serviços R$ 1.179.885.636
Eneva Energia Elétrica R$ 1.106.794.409
Totvs Programas e serviços R$ 1.066.500.000
Movida Aluguel de carros R$ 832.500.000
Burger King Brasil Restaurantes e Similares R$ 714.529.226
Centauro Produtos diversos R$ 705.101.363
Tecnisa Incorporações R$ 445.500.000
TOTAL R$ 53.769.140.689

Além dessas operações, a brasileira Afya, do setor de ensino superior, também abriu o seu capital, porém escolheu a NASDAQ como a bolsa para negociar as suas ações e captou cerca de R$1 bilhão.

É interessante notar que, de todas essas operações, somente duas (Centauro e Neoenergia) foram IPOs, sendo que o restante delas foram ofertas subsequentes de ações. Apesar dessas empresas já terem capital aberto, o Follow On é importante para o investidor, pois dá maior liquidez no mercado para as ações e é uma nova oportunidade para avaliar a companhia e aproveitar uma oferta de mercado da ação a um preço atraente.

O que esperar do restante do ano e de 2020?

A melhora nas perspectivas da economia brasileira trouxe bastante otimismo para o mercado de ações brasileiro, que se reflete na alta que ele tem no ano. Esse otimismo ajuda a explicar porque várias dessas empresas foram a mercado para captar dinheiro e realizar investimentos, como por exemplo, na forma de aquisições de concorrentes ou na expansão de negócios atuais.

Esse é o caso, por exemplo, da Hapvida, que já investiu R$1,6 bilhão em aquisições em 2019, e dos bancos Inter e BTG Pactual, que investem no desenvolvimento e expansão dos seus negócios digitais.

Outra grande razão para esse volume de negociações tem a ver com o governo atual. O ministro Paulo Guedes defende a privatização das empresas públicas e o momento de mercado foi favorável para que diversos entes públicos, como a União, BNDES, Tesouro, FGTS, Banco do Brasil, Caixa, e outros, vendessem algumas participações de empresas públicas que eles possuem.

Esse é o caso do IRB Brasil, BR Distribuidora, Neoenergia e Light por exemplo.

Caso as condições econômicas continuem semelhantes às atuais, espera-se que esse movimento prossiga durante o restante do ano.

Algumas empresas já contrataram bancos de investimento para a estruturação das suas operações e várias outras estudam acessar o mercado de capitais até o final do ano que vem.

Veja abaixo alguns dos IPOs e Follow Ons que o mercado espera para 2019 e 2020:

2019 2020
IPO Follow-On IPO
Banco BMG Eztec Austral Re
Vivara Cyrela Commercial Properties Caixa Cartões
C&A Even XP Investimentos
Iguá Saneamento Trisul Gasmig
Saneago Banco do Brasil Rede D’Or
Kallas Banco Pan Madero
Banco Original Sinqia Smartfit
Saber Barisul Bonsucesso
Caixa Seguridade Copel Ebanx
Cedae Petrobrás Caixa Pay
Agibank JBS Lotéricas
Celg GT Cemig BB DTVM
Banco Votorantim BRF Caixa Asset
Boa Vista SCPC Carrefour Brasil Tok&Stok

Conclusão

IPOs e Follow Ons são ofertas públicas de ações que permitem ao investidor uma oportunidade única de investimento. A melhora nas perspectivas para a economia brasileira e o programa de privatizações promovido pelo governo fizeram com que houvessem várias emissões em 2019. O mercado espera que esse ritmo continue e diversas empresas já estudam abrir o seu capital na B3.

Resumo
IPOs e Follow Ons 2019/2020
Nome do artigo
IPOs e Follow Ons 2019/2020
Descrição
IPO e Follows Ons são ofertas primárias de ações. IPOs permitem que a empresa abra seu capital e tenha ações negociadas na bolsa pela primeira vez. Follow Ons permitem uma nova rodada de captação de uma empresa já conhecida do mercado.
Autor
Nome do editor
Par Mais

Deixe seu comentário

Comentário(s): 0

×