Sua conta
  • 13/05/2019

Previdência complementar passa a ser a principal…

Início / Investimentos / Previdência complementar passa a ser a principal…
previdencia complementar

Depois de anos trabalhando e contribuindo para a sua aposentadoria, é natural pensar em reduzir o ritmo do trabalho e eventualmente usufruir desse benefício. Os regimes de previdência funcionam de maneira muito parecida, independente do país. Basicamente, você contribui com a previdência enquanto trabalha e depois de alcançar certa idade e cumprir alguns pré-requisitos, tem direito a receber uma renda.

A previdência complementar tem um objetivo semelhante, que é o de oferecer um complemento à renda do INSS, dando ainda mais conforto e ajudando a manter um padrão de vida melhor na aposentadoria. Esses papéis, no entanto, têm se invertido.

A previdência social está na eminência de uma reforma, que tende a tornar as regras de aposentadoria mais estritas para que haja um maior equilíbrio entre o que o governo paga e o que recolhe de contribuições. Ela tem limites de idade e um valor máximo que pode ser recebido.

A previdência complementar, no entanto, funciona com um regime de acumulação de reservas que permite um acúmulo proporcionalmente maior, levando a maiores benefícios. Devido as suas regras e a essa capacidade de gerar uma renda maior, está ocorrendo uma inversão nos papéis, com a previdência complementar sendo a principal fonte de renda no futuro.

Maior expectativa de vida

Diversos avanços tecnológicos e sociais permitem que hoje, no Brasil e no mundo, as pessoas vivam mais. Além disso, o Brasil já não passa mais pelo “boom” demográfico de algumas décadas atrás, nas quais a população economicamente ativa era muito superior aos aposentados. Veja, por exemplo, o gráfico abaixo:

grafico evolução percentual de aposentados

Percebe-se que nesse período relativamente curto de tempo, o número de aposentados cresceu não apenas em termos absolutos, mas também como um percentual da população, saindo de menos de 10% para quase 15% da população brasileira.

A importância de se planejar

Nesse momento de incertezas quanto à previdência social e a sua sustentabilidade, o planejamento torna-se ainda mais essencial. Investindo desde cedo você coloca o tempo a seu favor e pode se beneficiar da incidência de juros compostos no seu dinheiro. No exemplo abaixo fizemos uma simulação de uma pessoa que guardou R$100,00 desde dezembro de 1996 até abril de 2019, investindo todos os meses em uma aplicação que rendesse 100% do CDI.

importancia da rentabilidade

O total guardado, se não for rentabilizado, soma R$26.900,00, no entanto, com a incidência de juros compostos durante todo esse período, o montante seria mais de 5 vezes maior, totalizando R$139.880,70.

Quero investir certo e com acompanhamento do Time Par Mais

Poupando desde cedo

Para mostrar a importância de pensar no futuro desde cedo, criamos ainda este segundo exemplo. Imagine que João começou a trabalhar aos 20 anos, em 1997. Desde o começo ele já se importava com o seu futuro e decidiu poupar R$500,00 por mês, aplicando sempre em um investimento que rendesse 100% do CDI. Quando completou 30 anos, em 2007, João teve uma filha, Sofia, e passou a guardar não apenas os R$500,00 para a sua aposentadoria, mas também R$500,00 para o futuro da sua filha. Segue abaixo a simulação da reserva dos dois. Para os períodos futuros foi simulado um CDI de 6,5% ao ano.

poupando desde cedo

Perceba que, acumulando R$500,00 todos os meses durante 30 anos, João consegue poupar uma reserva significativa, de R$1.265.029,44. Sua filha Sofia, no entanto, estará ainda melhor que o seu pai. Diferentemente de João, que não tinha reserva aos 20 anos, Sofia já inicia a sua vida de trabalho com o valor de R$313.284,57. Continuando a poupar R$500,00 por mês durante 30 anos, mesmo simulando um CDI médio muito mais baixo que o do período entre 1996 e 2019, Sofia ainda assim consegue acumular um valor significativamente superior, mais que o dobro do seu pai.

Opções de investimento para os filhos

Apesar do pai do exemplo ter escolhido uma aplicação com risco mínimo para a sua filha, ele poderia ter otimizado ainda mais o valor investido, caso decidisse por aplicar o dinheiro em investimentos de longo prazo. Como a sua filha não teria a necessidade do dinheiro por muito tempo, uma aplicação de maior risco poderia trazer resultados ainda melhores. Esse tipo de aplicação tem mais volatilidade e um risco maior, no entanto o seu retorno de longo prazo costuma compensar o risco tomado, por isso são indicadas para quem tem tempo de sobra até precisar usufruir efetivamente do dinheiro.

Como opções de investimento de longo prazo podemos mencionar as NTN-Bs, fundos de ações e fundos multimercado. Ainda que esses três tipos de investimento tenham volatilidade maior, esse é um risco que costuma compensar para quem pode investir pensando no longo prazo.

Resumo
Previdência complementar passa a ser a principal...
Nome do artigo
Previdência complementar passa a ser a principal...
Descrição
Previdência complementar funciona com um regime de acumulação de reservas que permite um acúmulo proporcionalmente maior que a previdência social. Seus investimentos e a previdência complementar poderão ser a sua principal fonte de renda no futuro. Entenda a importância de se planejar...
Autor
Nome do editor
Par Mais

Deixe seu comentário

Comentário(s): 0

×