Seguro contra vandalismo: mito ou verdade?

  • 26/07/2013
Página inicial - uso consciente - Seguro contra vandalismo: mito ou verdade?

seguro contra vandalismo

Seguro contra vandalismo: mito ou verdade?

 

O dia 17 de junho de 2013 ficará marcado na história do Brasil como o dia do “grande ato”, dia em que milhões de pessoas foram às ruas em busca de um país melhor. Porém, o que acabou ocorrendo em alguns casos isolados foram pessoas que não entenderam a ideologia pregada, os objetivos buscados e, com isso, vandalizaram as ruas.

Em cerca de um mês os atos de vandalismo causaram diversos prejuízos em vários estados do Brasil. Boa parte foram relativos a depredação de patrimônio público (o que infelizmente pagaremos a conta) e outros no patrimônio privado, como carros, residências e comércios destruídos e saqueados. Neste caso quem pagará a conta? Quem tem seguro está protegido contra vandalismo? A resposta é NÃO.

Tecnicamente falando, não existe uma cobertura específica para vandalismo, ou o ato intencional. Porém, o que ocorre, é que muitas pessoas entendem que podem enquadrar suas ocorrências (sinistros) em outras categorias, por exemplo, considerar o incêndio por vandalismo em uma loja como um incêndio acidental. Além de não ser correto, a seguradora não aceita esta justificativa e nega o pagamento do benefício. Em resumo, no seguro patrimonial a seguradora só efetua o pagamento do benefício em casos acidentais e nunca em casos intencionais ou criminosos (excluindo a cobertura de roubo e/ou furto).

No caso de automóveis, existem três categorias de cobertura: 1 – Cobertura Básica, 2 – Responsabilidade Civil Facultativa (RCF ou cobertura para terceiros) e 3 – Acidentes Pessoais de Passageiros (APP).

A Cobertura Básica serve para assegurar o risco no seu veículo, em caso de furtos ou acidentes. Na Responsabilidade Civil Facultativa temos três coberturas: 1 – Danos Materiais: irá assegurar danos em veículos de terceiros. 2 – Danos Corporais: lesões físicas, causadas a terceiros, provenientes do acidente. 3- Danos Morais: prejuízos provenientes de processos judicias. E por último, a cobertura para acidentes Pessoais de Passageiros que assegura, por morte ou invalidez permanente, os passageiros de seu veículo. Note que em nenhuma destas três categorias existe a cobertura para vandalismo.

Por isso sempre reforçamos: informação é algo extremamente importante, principalmente na contratação de seguros e produtos financeiros. E estes casos acabam nos dando uma grande lição: sempre contratar seguros com um bom Corretor e, de preferência, com auxílio de um Planejador Financeiro. Profissionais capacitados irão adequar a contratação com suas reais necessidades.

E que o caminho para a mudança do nosso país seja mais tranquilo e objetivo.

.

Seguro contra vandalismo: mito ou verdade? por Jonny Elias -26.07.2013

A Par Mais Planejamento Financeiro tem um propósito claro: trabalhamos para auxiliar cada um de nossos clientes a construir sua tranquilidade financeira. Atuamos na área de planejamento financeiro pessoal, family office, gestão patrimonial, consultoria financeira para empresas e consultoria de investimentos.

Deixe seu comentário

Comentário(s): 0

Últimas publicações