Portal do Bitcoin – Alphabets: “Investi por influência de amigos e tomei calote de R$ 50 mil”

  • 15/09/2021
Página inicial - Na Mídia - Portal do Bitcoin – Alphabets: “Investi por influência de amigos e tomei calote de R$ 50 mil”

A Alphabets, empresa de apostas esportivas que prometia rendimentos de até 300% em 11 meses, quebrou e deixou um rastro de prejuízo para centenas de clientes. Um deles foi o empresário Angelo Soares de Souza, 33 anos, que perdeu R$ 50 mil no esquema.

“Eu resolvi investir porque várias pessoas, inclusive amigos próximos e parentes, estavam recebendo normalmente. Aí, no dia 27 de agosto, coloquei o dinheiro, mas tomei calote”, disse ele, que mora em Cabo Frio (RJ), onde fica uma das sedes do esquema.

O empresário disse que já fez B.O e processou a empresa. “Acionei a Justiça, pois o Rogerio Cruz (criador do negócio), na minha visão, é um estelionatário. Sei que além de mim, muitas outras pessoas também levaram golpe”, falou.

Souza disse que não pesquisou o passado da empresa nem do Cruz, que responde por tráfico internacional de drogas, antes de investir. A prática é recomendada por especialistas e órgãos governamentais, como a Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Eu sabia que era pirâmide, diz cliente

Os problemas do criador da Alphabets com a Justiça e o modelo piramidal da empresa, no entanto, não foram impedimento para outro cliente entrevistado pela reportagem, que pediu para não ter o nome revelado. Ele disse que investiu R$ 183 mil, recuperou R$ 92 mil e perdeu R$ 91 mil no esquema.

“Eu sabia que o Cruz tinha registro com a Justiça e que a Alphabets era uma pirâmide financeira. Mas mesmo assim resolvi entrar porque todo mundo estava recebendo, o Cruz gravava vídeos com frequência e eu não imaginava que o negócio ia quebrar tão cedo”, falou ele.

O cliente disse ainda que ‘todo mundo’ em Cabo Frio está investindo em esquemas que prometem lucro fácil e rápido.

A cidade do litoral do Rio ganhou o nome de ‘Novo Egito’ por causa da explosão de golpes na região. Um dos últimos a cair foi a GAS Consultoria, que dizia trabalhar com criptomoedas e prometia rendimento de 10% ao mês.

Cuidados na hora de investir

O planejador financeiro Caio Alberconi disse para a reportagem que é preciso tomar cuidado com promessas de lucro fora da realidade do mercado.

“Rentabilidade garantida muito acima de qualquer outro ativo financeiro e pagamento de comissão em troca de indicação de clientes são as principais características de esquemas de pirâmide”, falou.

A Alphabets oferecia “planos de licenças” de um suposto software capaz de gerar lucros de 1,2% a 3,2% ao dia, ou 300% em até 11 meses. Além disso, pagava bônus para aqueles que indicassem outros participantes.

De acordo com Alberconi, o investidor também precisa fazer a lição de casa e pesquisar antes de investir. “É preciso entender o que é a empresa, quem está por trás, o que é o produto oferecido e como o lucro é originado”.

Defesa não quis comentar

Contatada, a defesa de Cruz disse que não faria comentários.

Na quarta-feira (8), em comunicado oficial publicado em seu perfil no Instagram, ele falou que a Alphabets encerrou as atividades por causa de problemas com o sistema de pagamentos e devido à uma suposta invasão. Afirmou ainda que criou um plano de pagamentos sólidos.

Na quinta-feira (9), no entanto, ele gravou vídeos ameaçando investidores que pediram o dinheiro alocado de volta: “Vocês não sabem o que é meu corpo jurídico. Vocês não sabem os amigos policiais que eu tenho, a influência que a gente tem dentro do governo”.

Confira a matéria na íntegra: https://portaldobitcoin.uol.com.br/alphabets-investi-por-influencia-de-amigos-e-tomei-calote-de-r-50-mil/

Deixe seu comentário

Comentário(s): 0

Últimas publicações