Saiba onde investir! Não perca dinheiro

  • 10/07/2015
Página inicial - capital - Saiba onde investir! Não perca dinheiro

saiba onde investir

Não são raros os casos em que o investidor acredita estar lucrando com seu investimento quando na verdade, analisando todas as variáveis envolvidas, ele pode estar perdendo dinheiro ou deixando de ganhar mais. Por isso, saiba onde investir!

Quando é feita a análise de uma carteira de investimentos, é preciso ter em mente alguns critérios importantes para definir onde investir, como:

  • IR (Imposto de Renda): dentro do universo dos produtos de renda fixa, a alíquota do imposto de renda varia de acordo com o tempo que se mantém o investimento. Essa taxa varia entre 22,5% e 15% de forma regressiva.
  • Taxas: são as taxas de corretagem cobradas pelas corretoras ou bancos para o intermédio da compra dos produtos.

Preparamos dois casos que ilustram bem a situação onde é preciso contar com todos os critérios, principalmente com a inflação, para entender onde investir no momento atual (onde a inflação está na faixa de 9% ao ano).

 

 Saiba onde investir:

Exemplo 1

André investiu R$ 50.000 em um CDB que rende 100% do CDI e o manteve por dois anos.  Para essa simulação, vamos supor que o CDI durante esses dois anos foi de 13,64% ao ano e a inflação foi de 9% (patamar atual), consideraremos ainda a taxa de sua corretora de 0,64% sobre o valor investido, logo teremos a seguinte situação:

saiba onde investir

Se levarmos em conta o poder da inflação, ou seja, a perda do valor de compra da moeda, que nesse período foi de 9%, o retorno real em valor presente será de aproximadamente R$ 3.301,64 apenas.

 

Exemplo 2

Já no exemplo 2, André investiu os mesmos R$ 50.000 na poupança de seu banco (sem a existência de taxas e sem incidência de Imposto de Renda) e o manteve pelos mesmos dois anos. Vamos considerar aqui que a poupança rende 6,5% ao ano e a inflação foi também de 9% (patamar atual). Logo teremos a seguinte situação:

saiba onde investir

Se levarmos em conta o poder da inflação, ou seja, a perda do valor de compra da moeda, que nesse período foi de 9%, o retorno real em valor presente será de aproximadamente – R$ 22,00 ou seja menos que o valor inicial investido!

 

Logo podemos concluir que:

 

 No exemplo 1 – André está fazendo um bom investimento, pois, apesar do poder negativo da inflação, o seu rendimento ainda foi positivo e com rendimento acima da inflação. Já no exemplo 2 – A inflação, mesmo com os dois anos de rentabilidade, acabou sendo superior ao valor do retorno, tornando o seu retorno negativo

Por isso enfatizamos: saiba onde investir e se realmente os seus ganhos estão mantendo o seu poder de compra, pois eles podem lhe dar a falsa impressão de ganho, quando você não considera os descontos sobre o rendimento. 

(confira também nosso post sobre a POUPANÇA)

.

Saiba onde investir! Não perca dinheiro por Giovanna Busato e Samuel Rech – 10.07.2015

A Par Mais Planejamento Financeiro tem um propósito claro: trabalhamos para auxiliar cada um de nossos clientes a construir sua tranquilidade financeira. Atuamos na área de planejamento financeiro pessoal, family office, gestão patrimonial, consultoria financeira para empresas e consultoria de investimentos.

Par Mais Blog - Planilha de controle financeiro - anuncio

Deixe seu comentário

Comentário(s): 0

Últimas publicações