Sua conta
  • 25/06/2012

Dividendos e fundos imobiliários

Início / Investimentos / Dividendos e fundos imobiliários
 Dividendos e fundos imobiliários

Dividendos e fundos imobiliários podem ser opções de ganho real para você, diz Plural Capital

.

Com a queda da taxa básica de juros, hoje em 8%, os investimentos em ações que pagam bons dividendos e fundos imobiliários são opções interessantes quando se olha em termos de taxa de juro real, que deve ficar em torno de 2,5%, considerando o cenário de uma inflação próxima de 5% neste ano e uma queda esperada para a Selic para 7,5%.
.

Esse é um dos assuntos que Eduardo Moreira, sócio-fundador da Plural Capital e responsável pelas áreas de private bank e wealth management, irá abordar na palestra que será realizada amanhã na gestora Geração Futuro, recentemente adquirida pela instituição.

Segundo o gestor, a opção de ganho real mais acessada pelos investidores, os títulos públicos atrelados à inflação (como as NTNs-B), hoje oferecem um potencial menor de ganho, dado que boa parte do movimento de queda das taxas prefixadas de juros já foi realizado. Nesse cenário, as ações que pagam bons dividendos devem se beneficiar do cenário de redução de taxa de juros que deve trazer uma valorização desses papéis.

O gestor da Plural espera que a taxa de retorno com os dividendos deve se ajustar para um patamar mais próximo da taxa de juros real. “Para isso, o valor dessas ações terá que dobrar”, afirma Moreira.

Isso terá impacto direto no retorno dos dividendos ou dividendo yield –  medido pala divisão dos dividendos distribuídos pelo preço da ação –, que hoje está em torno de 6% a 9% para essas empresas.

“As empresas que costumam pagar bons dividendos, como concessionárias de energia, tendem a ajustar os seus preços pela inflação e isso é distribuído para os acionistas proporcionando um ganho real com dividendos de 6% a 5%, o que ainda é muito alto”, afirma Moreira.

Entre as ações do setor elétrico que os analistas da Plural veem oportunidades de ganhos com dividendos estão Cemig, Copel e Energias do Brasil.

Outro investimento, na opinião do gestor, que oferece um ganho real interessante são os fundos imobiliários, que estavam pagando um retorno médio mensal médio com rendimentos de aluguel de 0,72%, segundo a consultoria Fundo Imobiliário. Isso equivale a um retorno anual de 8,99%, o que daria um ganho real de 4%. “Esse investimento é interessante já que os preços dos aluguéis são reajustados pelo IGP-M”, destaca Moreira.

Para o gestor, a bolsa deve continuar volátil no curto prazo, mas tem grande potencial de valorização no médio prazo, impulsionado principalmente pela realocação das aplicações dos investidores institucionais locais, como os fundos de pensão, que terão que aumentar a parcela em renda variável para conseguirem bater a meta atuarial, hoje em torno de 6% mais a variação do IPCA.

.

Dividendos e fundos imobiliários por Silvia Rosa | Valor – 25.06.2012

A Par Mais Planejamento Financeiro tem um propósito claro: trabalhamos para auxiliar cada um de nossos clientes a construir sua tranquilidade financeira. Atuamos na área de planejamento financeiro pessoal, family office, gestão patrimonial, consultoria financeira para empresas e consultoria de investimentos.

Deixe seu comentário

Comentário(s): 1

       
×